PL aprovado na CCJ pode causar a extinção de profissionais de diversas áreas que atuam nesse mercado, incluindo administradores.