Agripino Nazareth

A justiça paritária e eletiva do trabalho, nos primeiros tempos da era industrial. – Do “individualismo dogmático” dos jurisconsultos do século XVIII à revolução de 1848. Uma síntese realista de Mário de La Cueva. Relativa paz social na Inglaterra, depois do cartismo revolucionário. A política de Bismarck em face do Programa de Eisemach e do expansionismo britânico. Projeções da legislação da Itália e da Alemanha. Outros países admitindo e desenvolvendo a justiça especial do trabalho, antes da Grande Guerra.

Ler versão Digital