O Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro realizou o primeiro Debate Cultural de Barra do Piraí,   dia 5 de março,     com apresentação da peça teatral “O Mercador de Veneza”, de Willian Shakespeare. Logo após a encenação, o presidente do CRA-RJ, Adm. Wagner Siqueira, ministrará a palestra “A Gestão das Organizações através das Artes”.

Ainda durante o debate, o Adm. Wagner Siqueira apresentou o XIV Fórum Internacional de Administração, que acontecerá entre os dias 18 e 20 de maio deste ano, no Rio de Janeiro.  Ele demonstrou a grandeza que é comemorar o Jubileu de Ouro da profissão com um evento desta magnitude. Para conhecer mais sobre o FIA acesse fia2015.com.br.

Mercador de VenezaA obra de Shakespeare aborda aspectos econômicos e sociais ao narrar os choques entre diferentes culturas. Apesar de antiga, a peça apresenta uma contemporaneidade a ser apreciada e estudada.

Durante o debate, o Adm. Wagner Siqueira provocou a reflexão do público presente ao relacionar as cenas apresentadas com a Ciência da Administração. A partir daí, ele apontou qual a influência da arte no universo das empresas, citando como hábitos e comportamentos individuais alteram o dia a dia organizacional, por exemplo.

“A dimensão da intuição e da sensibilidade humana é importante para os profissionais de Administração, a fim de que não fiquemos restritos a coisificar o homem, colocá-lo apenas como um ser racional em busca de resultados organizacionais. É preciso dar-lhe a dimensão humana, no seu complexo objetivo em que razão e emoção convivem em harmonia”, avaliou o Adm. Wagner Siqueira.

O Mercador de Veneza

A trama de ‘O Mercador de Veneza’ acontece no século XVI, tempo das grandes navegações mercantilistas. Antônio, mercador veneziano, assume a fiança de um empréstimo feito a Bassânio, um amigo perdulário e falido.  Ao invés de dinheiro, Shylock, o credor da dívida, pede como juros uma recompensa que irá colocar em risco a própria vida do fiador.