O CRA-RJ reinaugurou a casa do Administrador de Teresópolis, neste sábado (22) e contou com o lançamento do livro “Estratégia, execução e diferenciação baseadas na informação: Um estudo em organizações brasileiras e portuguesas”, de autoria do Adm. Antonio Andrade. O evento contou também com a participação do Adm. Wagner Siqueira, presidente do CRA-RJ, e do Adm. Rodolpho Mader, representante do Conselho na Região Serrana.

Para o Adm. Wagner Siqueira é importante que o Conselho esteja presente em todo o Estado para atender cada vez melhor os profissionais, estudantes e empresas da área de Administração, prestando serviços, capacitando e levando temas atuais e importantes para serem discutidos.

img_0685“É preciso que se diga que a primeira delegacia que o Conselho teve em sua história foi exatamente aqui em Teresópolis, muito antes das demais cidades. Portanto, é muito emocionante e fraterna a relação com a comunidade teresopolitana, agora acrescida de responsabilidades maiores, porque a região que a delegacia está abarcando é muito maior do que antes”, destacou.

O Adm. Rodolpho Mader destacou a importância da atuação do CRA-RJ no interior do Estado para que todos sejam atendidos em suas demandas. Ele ainda explicou que a nova delegacia não é só para os Administradores de Teresópolis, mas também de Guapimirim, Magé, São José do Vale do Rio Preto, Nova Friburgo e suas cidades adjacentes, além de Petrópolis e os municípios circunvizinhos.

img_0630“A nossa jurisdição está bem maior e isso pedia uma delegacia melhor aparelhada, uma Casa do Administrador com mais recursos tendo possibilidade de receber os Administradores de todos esses municípios para que a gente possa facilitar, junto ao CRA-RJ, o exercício legal da profissão por eles”, disse Mader.

O Adm. Antonio Andrade abordou as práticas de gestão na cidade do Porto, em Portugal, e na cidade o Rio de Janeiro, no Brasil. Para ele, estudos comparativos são importantes porque dão a oportunidade de troca de conhecimento, podendo levar também à discussão para o desenvolvimento conjunto de boas práticas de gestão adequadas a problemas comuns.

img_0662“A diferença básica que eu encontrei entre Brasil e Portugal foi a execução com relação aos procedimentos. Em Portugal, as normas das organizações são muito bem cumpridas e é tudo bem dialogado. Os portugueses também são muito objetivos no que procuram desenvolver. Aqui no Brasil, nem tanto”, destacou Andrade.

O livro de autoria do Administrador Antônio Andrade está disponível na Biblioteca Virtual do CRA-RJ e pode ser lido online ou baixado gratuitamente.